Artigos

Grande Conselho Cármico

O Conselho Cármico é formado por seres de luz que sustentam a humanidade neste momento de transição


A REUNIÃO DO GRANDE CONSELHO CÁRMICO 

O Conselho Cármico é formado por seres de luz que sustentam a humanidade neste momento de transição. Seres maravilhosos que são responsáveis por aplicar a justiça (ordem/organização divina) em nosso planeta. Eles decidem qual a parcela de carma (positivo ou negativo) que cada pessoa deve receber durante a existência na Terra.

Todas as almas precisam passar diante deste conselho antes, durante e depois de cada vida encarnada. No decurso do nosso estágio na Terra, continuamos recebendo auxílio dos abençoados seres que compõem o Conselho Cármico. Neste período encarnacional, a alma tem ao seu lado um anjo acompanhante que vai registrando todas as suas revelações. Este anjo é conhecido como "Anjo do Registro". Todos os dados reunidos são entregues aos anjos chamados de "Guardiões dos Pergaminhos", que os colocam à disposição dos Senhores do Carma para consultas, quando tiverem que tomar qualquer decisão sobre as nossas vidas. 

Duas vezes por ano, enquanto dormimos e com o auxílio dos nossos guias espirituais e do Arcanjo Miguel, a nossa presença "Eu Sou" regressa ao Conselho Cármico para avaliarem juntos os ajustes necessários para o melhor aproveitamento das circunstâncias nas quais estamos inseridos.

São os Senhores do Carma que decidem quando, onde, como e quem deve encarnar. Suas decisões são sempre baseadas em três fatores importantes

1. O "Plano Divino", ou seja, a Vontade Divina para nossas vidas, nos propiciando uma existência onde possamos ter as oportunidades de atingir a nossa vitória divina. 

2. Nos posicionam na vida (família, trabalhos, cidades, etc.), de forma que resgatemos os erros das encarnações anteriores, oferecendo oportunidades de reparo dos nossos erros, carma negativo que precisa ser transmutado.

3. Nos acompanham durante as nossas encarnações e podem aumentar as oportunidades ou os obstáculos, dependendo sempre da nossa evolução. Nos avaliam a cada seis meses e a cada ciclo de doze anos.

Quando conquistarmos a vitória da manifestação de nosso plano divino e consumirmos o nosso carma negativo, iremos então ter com a Presença do Eu Sou, o Amado Santo Cristo Pessoal (o nosso Eu Superior) e o conselho do carma, que decretarão o direito de libertarmo-nos da roda viva das reencarnações.

Sempre dispostos a ouvir os argumentos que oferecemos, podemos nos entregar confiantes ao julgamento desses seres amorosos que compõem o Conselho Cármico:


1. O Grande Diretor Divino, que é uma função que direciona um propósito unificado às mais variadas necessidades de uma raça. Atualmente quem exerce essa função é Lanto, que já foi Diretor do 2º Raio (dourado);

2. A Deusa da Liberdade, que personifica o amor perfeito de Deus e que nos concede amor incondicional, compaixão, força e pureza;

3. A Mestra Nada, Chohan do 6º Raio (rubi), que nos outorga amor devocional e gratidão;

4. O Elohim Cyclopea, o "olho que tudo vê", a Visão Ilimitada de Deus que enxerga a essência de todas as coisas. Nada pode ser ocultado, nem mesmo um pensamento secreto;

5. Palas Athena, a Deusa da Verdade, que atua no 5º Raio (verde), auxiliando a desfazer as nossas compreensões errôneas que só trazem sofrimento, nos ajustando aos propósitos evolutivos;

6.Pórtia, Deusa da Justiça e da Oportunidade. Complemento do Mestre Saint Germain que atua no 7º Raio (violeta), ajudando a estabelecer a medida exata do que nos pode ser concedido a cada momento;

7. Kuan Yin, Deusa da Misericórdia e da Compaixão, que alivia o nosso sofrimento. Tão grande é sua compaixão que nos auxilia sempre mais do que merecemos;

8. Saithru, responsável pela sétima raça raiz da humanidade terrestre;

9. Vairochana, um dos Budas Dhyani, que personifica o poder que estabelece a Verdade, consumindo a nossa ignorância e permitindo que vejamos as coisas como elas realmente são. 

10. Arcanjo Miguel, Raio Azul, nos fornece fé, proteção e vontade Divina;

11. Irmãos Interdimensionais e Interplanetários, energia eletromagnética que facilita a manifestação dos nossos sonhos;

Os Senhores do Carma se reúnem após o solstício de inverno (30 de junho) e o de verão (31 de dezembro), para rever petições da humanidade não ascensa e conferir dispensações baseadas no merecimento individual de cada um. Esta é uma boa oportunidade para analisarmos a nossa vida nos últimos tempos. É a hora certa de agradecermos os objetivos conquistados e pedirmos aos Senhores do Carma orientação divina para a solução de problemas pessoais e planetários.

Quando nos conscientizamos dessa programação e nos harmonizamos com nosso plano de vida, nos beneficiamos melhor e mais rapidamente desse auxílio. Podemos expor aos membros do Conselho Cármico as nossas dificuldades e os nossos projetos, enfatizando que os nossos pedidos sejam concedidos apenas quando estiverem de acordo com a vontade do Criador, pois só Ele sabe o que é realmente melhor para cada um de nós. Temos também a possibilidade de solicitar amparo não apenas para nós, mas para as pessoas que amamos, para a nossa comunidade e para toda a humanidade.

Para isso, devemos preparar um programa e colocá-lo para apreciação. Convença-os a investirem nesse intento. Desde que o projeto não interfira com o plano divino, terá todo a ajuda que necessita. Eles sempre apóiam idéias que venham melhorar a qualidade de vida da humanidade. Se convencer os Senhores do Carma a apoiá-lo, todas as portas se abrirão e o seu projeto se tornará realidade mais cedo do que espera.

Para compor a sua carta, comece por escrever a lápis numa folha branca e lisa a frase "Pela paz e cura universal". Depois, escreva o seu propósito. Peça por abundância divina para a sua família e amigos, proteção para os ensinamentos dos Mestres em suas escolas na Terra, libertação dos portadores da luz das malhas da Fraternidade Involutiva, etc. No fim, escreva o seu nome de solteiro (nome de batismo) e a data do seu nascimento. Assine e enderece à Deusa da Liberdade, porta-voz para o Conselho Cármico, para o Amado Conselho Cármico ou para um dos seus membros. Quando terminar, faça uma oração.

Para o ritual de entrega da carta para os "Senhores do Carma", escolha, de preferência, um altar montado para os Mestres da Grande Fraternidade Branca ou vá para um lugar tranqüilo na natureza. Esta petição deve ser queimada antes da meia-noite dos dias 30 de junho e 31 de dezembro de cada ano. Se for queimá-la dentro de casa, escolha um local com uma pia próxima, onde poderá apagar o fogo rapidamente. O ideal é que tenha por perto uma bacia para queimar a sua missiva.

Invoque então o Arcanjo Miguel: "Em nome do Pai, do Filho, do espírito Santo e da Mãe Divina, Eu (diga seu nome completo e em voz alta) invoco o Amado Arcanjo Miguel para que entregue o meu manuscrito para a Amada Deusa da Liberdade, no Conselho Cármico de Deus". Após a invocação, leia a sua carta em voz alta e conclua o ritual colocando fogo nela e dizendo Amém, Amém, Amém. 

O fogo serve para enviar a sua petição para o plano etéreo. O resto das cinzas não tem valor algum e pode ser jogado em qualquer lugar, até mesmo numa lixeira. 

Siga-nos nas redes sociais

Solara Holístico Solara Holístico Conecte-se em nosso Linkedin Solara Holístico Solara Holístico

Busca

A Cidade de Telos

CIÊNCIA E TECNOLOGIA

Sathya Sai Baba

Recentes