Inicio
 Quem Somos
 Ano Novo 2018
 Ano Novo 2017
 EMF Balancing Technique®
 EMF - Malha e Profissionais
 EMF 12 Capas do DNA Estilo Fênix
 FASES V a VIII
 Fases IX a XII
 iPhoenix Coração Dourado
 Reflexos
 Som e a EMF
 As Ondas
 O Simbolo Perdido - EMF
 EMF para Crianças
 Crianças Indigo/Cristal
 Crianças - Ativid/Depoimentos
 Ativação da Pineal
 Biosintonia®
 Florais de S.Germain
 Astrologia
 Ativação do Nono Portal 11:11 - Solara
 Atualidades -
 Atualizações/Mensagens
 AVAAZ
 Avatar Sathya Sai Baba 23/11
 Braco
 Cartas de Cristo
 Celia Fenn - Textos
 Celia Fenn II - Textos
 Celia Fenn III - Textos
 Chico Xavier/Emmanuel e Divaldo
 Códigos de Cura
 Corpo
 Codex
 Cromoterapia
 Crop Circles
 Curso em Milagres
 Dalai Lama
 Decretos e Orações
 Deepak Chopra
 Dr Hamer
 Dr Hurtak
 Dr. Joshua David Stone
 Dr Lair Ribeiro
 Dr. Todd Ovokaitys
 Doreen Virtue
 Eckhart Tolle
 Frequencia Índigo
 Festival do Wesak
 Festival de Asala
 Florais de Bach
 Foto Kirlian
 Gregg Braden - Textos
 Grigori Grabovoi
 Grupo de Estudos
 Ho'ponopono
 Kuan Yin
 Kundalini Yoga
 Karen Bishop
 Ki-Reiki Yoga
 Kryon - Textos
 Louise Hay e Ressentimento
 Links para Mensagens
 Matias de Stefano
 Mãe Maria - Textos e Vídeos
 Meditação versus Cérebro
 Miguel - Regente das Milicias Celestes
 Metatron - Textos
 Médicos
 Natal
 Ouro Coloidal e Prata Coloidal
 Osho
 Pagamentos
 Portal 11-11-11 Momento Cósmico
 Portal 12.12.12 Ascensão
 Previsões 2013 e...
 Radiação > danos a saúde
 Ronna Hermann
 Saint Germanin - Natalie 06.2013
 Sri Aurobindo e Aivanhov
 Tachyons
 Sri Prem Baba
 Telefone Celular riscos
 Tobias - Textos
 Vacinas - Pare!
 Variedades - Diversos
 Cursos/Workshops
 Galeria de Vídeos
 Galeria de Fotos
 Artigos
 Links
 Contato
Por Silvio Farranha Filho, psicanalista
Dentre muitas definições para a palavra egrégora, fico com esta: Egrégora é a força gerada pelo somatório de energias físicas, emocionais e mentais de duas ou mais pessoas, quando se reúnem com qualquer finalidade. A egrégora acumula a energia de várias freqüências. Assim, quanto mais poderoso for o indivíduo, mais força estará emprestando a egrégora para que ela incorpore às dos demais.
Um exemplo disto foi o caso da famosa expressão "Lula lá!" na campanha presidencial, onde dezena de milhões de pessoas repetindo este single culminou com o sucesso do Lula.
Tornou-se comum ouvirmos esta expressão – Ah! Ninguém merece! - das pessoas quando elas estão diante de alguma contrariedade. A frase vem acompanhada de tom de voz e expressão facial correspondente a uma indignação com a Vida.
O que poderia acontecer se toda uma população repetir de forma constante e inconsciente por tudo de ruim que está lhe acontecendo? Poderia ser o fim do bem e do bom que a Vida proporciona a todos desde os primórdios?
Não se trata aqui que devamos ignorar as adversidades, que são alicerces do nosso desenvolvimento, o que de fato me chama a atenção é que a expressão vem do nosso íntimo, quando muitos de nós perante a Vida nos julgamos NÃO MERECEDORES DA FELICIDADE!
Então a repetição da frase, além de criar a egrégora na comunidade, reforça um comportamento pernicioso individual em se crer que nasceu sem o direito de ser feliz de verdade, podendo gerar um desestímulo total de se praticar coisas boas e gostosas.
Essa falsa crença de não ser merecedor da felicidade incrustada em nosso interior, que devemos erradicar da nossa vida. O nosso compromisso desde que nascemos é o de revermos nossas crenças e valores até o nosso último suspiro de vida.
Diferente é a nossa energia e a nossa atitude quando experimentamos o prazer do nosso autoconhecimento, de forma profunda. Expressamos uma certeza inabalável de ser feliz, reforçamos diariamente o comportamento de criar/desfrutar das coisas boas e prazerosas e a extrair lições das nossas adversidades, repetindo, a todo o momento, EU SOU FELIZ para nós próprios.
Voltar ao topo

Voltar a página Inicial Copyrigth© 2009. Desenvolvido por <Pluriweb>